segunda-feira, 18 de setembro de 2017

UFAM sobe cinco posições no RUF

A Universidade Federal do Amazonas (UFAM) subiu seis posições no Ranking Universitário da Folha (RUF), criado pela Folha de S. Paulo para “medir” o desenvolvimento das universidades brasileira. Em 2016 a UFAM ocupava a quadragésima sexta posição no mesmo Ranking. Este ano, passou para a quadragésima primeira posição. Na composição da nota final, 67,47; a Pesquisa contribuiu com 27,70; o que significa que a Pesquisa contribuiu com 41,05% na nota final da UFAM. Particularmente, sinto orgulho em ter participado com Pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação na Administração da professora Márcia Perales Mendes Silva e do professor Hedinaldo Narciso Lima. Além de deixarmos a UFAM sem dívidas, a UFAM subiu de posição em mais um indicador nacional. Talvez fosse digno e correto reconhecer esta conquista da UFAM deixada pela nossa Administração? Será que a comunidade reconhecerá? Com a resposta, a própria comunidade.


Visite também o Blog de Educação do professor Gilson Monteiro e o Blog Gilson Monteiro Em Toques. Ou encontre-me no www.linkedin.com e no www.facebook.com/GilsonMonteiro.

domingo, 17 de setembro de 2017

Honestidade é para poucos

Lembro que comentei sobre o episódio que envolveu os jogadores Rodrigo Caio, do São Paulo, e o atacante Jô, do Corinthians. Em jogo entre os dois times, o atacante tinha levado um cartão amarelo por um lance que, aparentemente, teria cometido uma infração. Rodrigo Caio foi árbitro e disse que ele fora o autor da falta. O cartão amarelo dado a Jô foi retirado, ele jogou a partida final, fez o gol da vitória e o Corinthians foi campeão. Pois não é que hoje, entre Corinthians e Vasco Jô teve a chance devolver o ato de honestidade e ética, ao fazer um gol nitidamente com a mão. Preferiu dizer que se jogou na bola e não soube “onde bateu a bola”. Ética é para poucos e nem todos estamos preparados para devolver em comportamento o mesmo que fazem conosco. Assim o Brasil não muda!


Visite também o Blog de Educação do professor Gilson Monteiro e o Blog Gilson Monteiro Em Toques. Ou encontre-me no www.linkedin.com e no www.facebook.com/GilsonMonteiro.

sábado, 16 de setembro de 2017

Crianças podem salvar a humanidade

Hoje, na entrada do elevador do prédio que moro, tive a comprovação de que as crianças ainda podem salvar o mundo de nós, os ditos humanos. Uma senhora e o filho, de uns três a quatro anos, chegaram ao estacionamento quase que concomitantemente a mim. Os dois entraram primeiro no elevador. Pasmem, leitores e leitoras! Para a minha surpresa, percebi que a criança insistiu com a mãe para que segurasse o elevador para me esperar. Não ouvi o que ele dizia: suponho que, como eles, porque eu carregava coisas do supermercado. Ao entrar no elevador, elogiei a atitude dele para a mãe e para ele. Ela me respondeu que “tentava educá-lo para ser melhor”. Parabenizei os dois e seguimos nossas vidas. Ainda que sejamos vizinhos do mesmo prédio, o episódio é raro nos elevadores da vida quando, na maioria das vezes, as pessoas se recusam até a cumprimentar os outros. Talvez ainda haja salvação para a humanidade!


Visite também o Blog de Educação do professor Gilson Monteiro e o Blog Gilson Monteiro Em Toques. Ou encontre-me no www.linkedin.com e no www.facebook.com/GilsonMonteiro.